Simulados específicos

Questões de Vestibular



 

 

Física - Velocidade Escalar Média II

Simulado com gabarito

Este simulado contém questões específicas de matérias que mais caem nos vestibulares. Cada questão é de um vestibular diferente que selecionamos os assuntos mais exigidos. Assinale a resposta para conferir o gabarito no final.   Boa Sorte !
 

 Questões

 


01. (UFMG) Uma escola de samba, ao se movimentar numa rua reta e muito extensa, mantém um comprimento constante de 2 km. Se ela gasta 90 min para passar completamente por uma arquibancada de 1 km de comprimento, sua velocidade média deve ser:
a) (2/3) km/h
b) 1 km/h
c) (4/3) km/h
d) 2 km/h
e) 3 km/h


02. (Mackenzie-SP) Um automóvel trafega ao longo de uma rodovia passa pelo marco de estrada 115 km às 19 h 15 min e pelo marco 263,5 km às 20 h 54 min. A velocidade escalar média desse automóvel, nesse intervalo de tempo, é:
a) 148,5 m/s
b) 106,8 m/s
c) 29,7 m/s
d) 25,0 m/s
e) 90,0 m/s


03. (MAPOFEI) Um automóvel percorre a distância entre São Paulo e São José dos Campos (90 km) com velocidade escalar média de 60 km/h, a distância entre São José de Campos e Cruzeiro (100 km) com a velocidade escalar média de 100 km/h e entre Cruzeiro e Rio de Janeiro (210 km) com velocidade média de 60 km/h. Qual a velocidade escalar média do automóvel entre São Paulo e Rio de Janeiro?


04. (UNICENP-PR) Um automóvel percorre 250 m de um trajeto com uma velocidade média de 25 m/s, e os 50 m restantes com uma velocidade media de 10 m/s. Determine a velocidade média deste automóvel no percurso total:
a) 12,5 m/s
b) 15 m/s
c) 17,5 m/s
d) 20 m/s
e) 22,5 m/s


05. (UFPE) Quatro cidades A, B, C e D estão dispostas de tal forma que as distâncias rodoviárias entre A e B, B e C e C e D são, respectivamente, AB = 60 km, BC = 100 km e CD = 90 km. Se um automóvel vai de A até B a uma velocidade escalar média de 60 km/h, da cidade B até C a uma velocidade escalar média de 50 km/h e de C até D a uma velocidade escalar média de 45 km/h, determine a velocidade escalar média deste automóvel, em km/h, para o percurso de A até D.


06. (PUC-MG) Um automóvel viaja a 20 km/h durante o primeiro minuto e a 30 km/h nos dois minutos seguintes. Sua velocidade escalar média durante os três minutos, em km/h, é:
a) 20
b) 30
c) 31
d) 25
e) 27


07. (Unimep-SP) Um ciclista deve percorrer 35 km em 1 h. O ciclista observa que gastou 40 min para percorrer 20 km. Qual deverá ser a velocidade média para percorrer a distância restante dentro do tempo previsto?
a) 45 km/h
b) 70 km/h
c) 60 km/h
d) 30 km/h
e) 25 km/h


08. (UFBA) Um ônibus faz um trajeto entre duas cidades em duas etapas. Na primeira, percorre uma distância de 150 km em 90 min. Na segunda, percorre 220 km em 150 min. A velocidade média do ônibus durante toda a viagem é de:
a) 1,6 km/h
b) 64,0 km/h
c) 92,5 km/h
d) 94,0 km/h
e) 185,0 km/h


09. (Fatec-SP) Um veículo percorre 100 m de uma trajetória retilínea com velocidade escalar constante de 25 m/s, e os 300 m seguintes com velocidade constante igual a 50 m/s. A velocidade média durante o trajeto todo é de:
a) 37,5 m/s
b) 40 m/s
c) 53,3 m/s
d) 75 m/s
e) n.d.a.


10. (Fuvest-SP) Uma moto de corrida percorre uma pista que tem formato aproximado de um quadrado com 5 km de lado. O primeiro lado é percorrido com uma velocidade média de 100 km/h, o segundo e o terceiro a 120 km/h, e o quarto a 150 km/h. Qual a velocidade média da moto nesse percurso?
a) 110 km/h
b) 120 km/h
c) 130 km/h
d) 140 km/h
e) 150 km/h


11. (Fuvest-SP) Após chover na cidade de São Paulo, as águas da chuva descerão o rio Tietê até o rio Paraná, percorrendo cerca de 1000 km. Sendo de 4 km/h a velocidade média das águas, no percurso mencionado será  cumprido pelas águas da chuva em aproximadamente:
a) 30 dias
b) 10 dias
c) 25 dias
d) 2 dias
e) 4 dias



12. (UFRN) Um móvel passa pela posição s1 = 20 m no tempo t1 = 5 s e pela posição s2 = 60 m no tempo t2 = 10 s. Quais são, respectivamente, os valores do deslocamento e da velocidade média do móvel entre os instantes t1 e t2?
a) 40 m e 8 m/s
b) 60 m e 10 m/s
c) 60 m e 12 m/s
d) 40 m e 14 m/s
e) 50 m e 16 m/s


13. (UFPA) Certa pessoa viaja em um automóvel cujo velocímetro não funcionava. Desejando saber qual a velocidade escalar média do automóvel e sabendo que os postes da rede elétrica dispostos à margem da estrada distam 60 m um do outro, a pessoa começou a marcar o tempo no instante em que passou em frente a um certo poste(chamemos de 1º poste), e constatou que transcorreram 45,6 s até o instante em que passou diante do 20º poste. Assim constatou que no intervalo de tempo durante o qual ele se deslocou do 1º ao 20º poste a velocidade escalar média do automóvel era, em km/h, de:
a) 25
b) 69
c) 90
d) 95
e) 98


14. (UI-MG) Considere as seguintes velocidades médias:
1 - Velocidade de um atleta numa corrida de 100 m.
2 - Velocidade de um maratonista.
3 - Velocidade da luz no vácuo.
4 - Velocidade do som no ar.
A seqüência correta das velocidades, em ordem crescente, é:
a) 1, 2, 4, 3
b) 2, 1, 3, 4
c) 2, 1, 4, 3
d) 1, 2, 3, 4
e) 4, 2, 1, 3


 

 Gabarito do seu teste


 


Resposta 01: letra d
- Para atravessar uma arquibancada de 1 km, uma escola de samba de 2 km, deve percorrer os 3 km (2 km da escola de samba + 1 km da arquibancada), ou seja, a a variação do espaço deve ser de 3 km. Como o tempo é de 90 min (ou 1,5 h) temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 3/1,5
vm = 2 km/h


Resposta 02: letra d
- Vamos calcular primeiramente a variação do espaço:
∆s = s − s0
∆s = 263,5 − 115
∆s = 148,5 km
- Antes de calcularmos a variação do tempo vamos transformar os minutos do problema em horas, como 1 h = 60 min temos que dividir os minutos por 60 e chegamos, assim, na quantidade de minutos transformados em horas:
15 min = (15/60) h = 0,25 h
54 min = (54/60) h = 0,9 h
- Agora podemos calcular a variação do tempo:
∆t = t − t0
∆t = 20,9 − 19,25
∆t = 1,65 h
- Calculando a velocidade escalar média, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 148,5/1,65
vm = 90 km/h
- Onde os apressadinhos responderiam letra "e", mas como calculamos usando deslocamento escalar em quilômetros e variação do tempo em horas nossa resposta está em km/h. Transformando para m/s, temos:
90 km/h = (90/3,6) m/s = 25 m/s


Resposta 03:
- Dividiremos o problema em três partes:
1º parte: São Paulo à São José dos Campos com ∆s1 = 90 km e vm1 = 60 km/h.
2º parte: São José dos Campo à Cruzeiro com ∆s2 = 100 km e vm2 = 100 km/h.
3º parte: Cruzeiro ao Rio de Janeiro com ∆s3 = 210 km e vm3 = 60 km/h.
- Calcularemos o tempo gasto em cada parte:

1º parte: 2º parte: 3º parte:
 vm1 = ∆s1/∆t1
60 = 90/∆t1
60∆t1 = 90
∆t1 = 90/60
 ∆t1 = 1,5 h
vm2 = ∆s2/∆t2
100 = 100/∆t2
100∆t2 = 100
∆t2 = 100/100
∆t2 = 1,0 h
vm3 = ∆s3/∆t3
60 = 210/∆t3
60∆t3 = 210
∆t3 = 210/60
∆t3 = 3,5 h

- Portanto o tempo total gasto foi de:
∆t = ∆t1 + ∆t2 + ∆t3
∆t = 1,5 + 1,0 + 3,5
∆t = 6,0 h
- Calculando a variação do espaço total temos:
∆s = ∆s1 + ∆s2 + ∆s3
∆s = 90 + 100 + 210
∆s = 400 km
- Calculando a velocidade escalar média entre São Paulo e Rio, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 400/6,0
vm = 66,7 km/h


Resposta 04: letra d
- Dividiremos o problema em duas partes:
1º parte: ∆s1 = 250 m e vm1 = 25 m/s.
2º parte: ∆s2 = 50 m e vm2 = 10 m/s.
- Calcularemos o tempo gasto em cada parte:

1º parte: 2º parte:
 vm1 = ∆s1/∆t1
25 = 250/∆t1
25∆t1 = 250
∆t1 = 250/25
∆t1 = 10 s
vm2 = ∆s2/∆t2
10 = 50/∆t2
10∆t2 = 50
∆t2 = 50/10
∆t2 = 5 s

- Portanto o tempo total gasto foi de:
∆t = ∆t1 + ∆t2
∆t = 10 + 5
∆t = 15 s
- Calculando a variação do espaço total temos:
∆s = ∆s1 + ∆s2 
∆s = 250 + 50
∆s = 300 m
- Calculando a velocidade escalar média no percurso, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 300/15
vm = 20 m/s


Resposta 05:
- Dividiremos o problema em três partes:
1º parte AB:  ∆s1 = 60 km e vm1 = 60 km/h.
2º parte BC: ∆s2 = 100 km e vm2 = 50 km/h.
3º parte CD: ∆s3 = 90 km e vm3 = 45 km/h.
- Calcularemos o tempo gasto em cada parte:
 

1º parte: 2º parte: 3º parte:
vm1 = ∆s1/∆t1
60 = 60/∆t1
60∆t1 = 60
∆t1 = 60/60
∆t1 = 1,0 h
 vm2 = ∆s2/∆t2
50 = 100/∆t2
50∆t2 = 100
∆t2 = 100/50
∆t2 = 2,0 h
 vm3 = ∆s3/∆t3
45 = 90/∆t3
45∆t3 = 90
∆t3 = 90/45
∆t3 = 2,0 h

- Portanto o tempo total gasto foi de:
∆t = ∆t1 + ∆t2 + ∆t3
∆t = 1,0 + 2,0 + 2,0
∆t = 5,0 h
- Calculando a variação do espaço total temos:
∆s = ∆s1 + ∆s2 + ∆s3
∆s = 60 + 100 + 90
∆s = 250 km
- Calculando a velocidade escalar média neste percurso, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 250/5,0
vm = 50 km/h


Resposta 06: letra e
- Dividiremos o problema em duas partes:
1º parte-1 minuto: ∆t1 = (1/60) h e vm1 = 20 km/h.
2º parte-2 minutos: ∆t2 = (2/60) h e vm2 = 30 km/h.
- Calcularemos a variação do espaço em cada parte:

1º parte: 2º parte:
 vm1 = ∆s1/∆t1
20 = ∆s1/(1/60)
20 = 60∆s1  (dividindo por 20)
1 = 3∆s1
3∆s1 = 1
∆s1 = (1/3) km
 vm2 = ∆s2/∆t2
30 = ∆s2/(2/60)
30 = 30∆s2
30∆s2 = 30
∆s2 = 1 km

- Portanto a variação do espaço total foi de:
∆s = ∆s1 + ∆s2
∆s = (1/3) + 1
∆s = (4/3) km
- Calculando a variação do tempo total temos:
∆t = ∆t1 + ∆t2
∆t = (1/60) + (2/60)
∆t = 3/60     (dividindo por 3)
∆t = (1/20)
- Calculando a velocidade escalar média entre São Paulo e Rio, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = (4/3)/(1/20)
vm = 4∙20/3∙1
vm = 80/3
vm = 27 km/h


Resposta 07: letra a
- O ciclista deve percorrer 35 km em 1 h, mas na primeira parte do problema ele percorreu 20 km em um tempo de 40 min, portanto, o ciclista deve percorrer o restante do percurso 15 km, que é o total (35 km) menos o que já tinha andado  (20 km), e deverá gastar, também, o que reta para 1 h, que é 20 min ou (1/3) h. Calculando a velocidade escalar média no percurso final, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 15/(1/3)
vm = 45 km/h


Resposta 08: letra c
- A variação do espaço total foi de:
∆s = ∆s1 + ∆s2
∆s = 150 + 220
∆s = 370 km
- O tempo total gasto foi de:
∆t = ∆t1 + ∆t2
∆t = 90 + 150
∆t = 240 min   ou   ∆t = 4 h
- Calculando a velocidade escalar média neste percurso, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 370/4
vm = 92,5 km/h


Resposta 09: letra b
- Dividiremos o problema em duas partes:
1º parte: ∆s1 = 100 m e vm1 = 25 m/s.
2º parte: ∆s2 = 300 m e vm2 = 50 m/s.
- Calcularemos o tempo gasto em cada parte:

1º parte: 2º parte:
 vm1 = ∆s1/∆t1
25 = 100/∆t1
25∆t1 = 100
∆t1 = 100/25
∆t1 = 4 s
vm2 = ∆s2/∆t2
50 = 300/∆t2
50∆t2 = 300
∆t2 = 300/50
∆t2 = 6 s

- Portanto o tempo total gasto foi de:
∆t = ∆t1 + ∆t2
∆t = 4 + 6
∆t = 10 s
- Calculando a variação do espaço total temos:
∆s = ∆s1 + ∆s2 
∆s = 100 + 300
∆s = 400 m
- Calculando a velocidade escalar média no percurso, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 400/10
vm = 40 m/s


Resposta 10: letra b
- Dividiremos o problema em quatro partes:
1º parte: ∆s1 = 5 km e vm1 = 100 km/h.
2º parte: ∆s2 = 5 km e vm2 = 120 km/h.
3º parte: ∆s3 = 5 km e vm3 = 120 km/h.
4º parte: ∆s4 = 5 km e vm4 = 150 km/h.
- Calcularemos o tempo gasto em cada parte:

1º parte: 2º parte: 3º parte: 4º parte:
vm1 = ∆s1/∆t1
100 = 5/∆t1
100∆t1 = 5
∆t1 = 5/100     (dividindo por 5)
∆t1 = (1/20) h
 vm2 = ∆s2/∆t2
120 = 5/∆t2
120∆t2 = 5
∆t2 = 5/120    (dividindo por 5)
∆t2 = (1/24) h
igual a 2º parte ∆t3 = (1/24) h vm4 = ∆s4/∆t4
150 = 5/∆t4
150∆t4 = 5
∆t4 = 5/150    (dividindo por 5)
∆t4 = (1/30) h

- Portanto o tempo total gasto foi de:
∆t = ∆t1 + ∆t2 + ∆t3 + ∆t4
∆t = (1/20) + (1/24) + (1/24) + (1/30)     (tirando o MMC(20,24,30) = 120)
∆t = (6 + 5 + 5 + 4)/120
∆t = 20/120     (dividindo por 20)
∆t = (1/6) h
- Calculando a variação do espaço total temos:
∆s = ∆s1 + ∆s2 + ∆s3 + ∆s4 
∆s = 5 + 5 + 5 + 5
∆s = 20 km
- Calculando a velocidade escalar média no percurso, temos:
vm = ∆s/∆t
vm = 20/(1/6)
vm = 120 km/h


Resposta 11: letra b
- A variação do espaço das águas é ∆s = 1.000 km e a sua velocidade escalar média é de 4 km/h, portanto, temos:
vm = ∆s/∆t
4 = 1.000/∆t
4∆t = 1.000
∆t = 1.000/4
∆t = 250 h     (dividindo por 24, pois 1 dia = 24 h)
∆t = 10 dias aproximadamente


Resposta 12: letra a
- Calculando a variação do espaço ou deslocamento escalar, temos:
∆s = s2 − s1
∆s = 60 − 20
∆s = 40 m
- Calculando a variação do tempo, temos:
∆t = t2 − t1
∆s = 10 − 5
∆s = 5 s
- A  velocidade escalar média é:
vm = ∆s/∆t
∆t = 40/5
∆t = 8 m/s


Resposta 13: letra c
- Do 1º ao 20º poste temos 19 intervalos de 60 m, portanto, sua variação de espaço será de:
∆s = 19∙60
∆s = 1140 m
- Como ele marcou sua variação do tempo ∆t = 45,6 s, sua velocidade escalar média será:
vm = ∆s/∆t
vm = 1140/45,6
vm = 25 m/s   ou   vm = 90 km/h


Resposta 14: letra c
- As velocidades são, aproximadamente:
1) Uma corrida de 100 m, dura, aproximadamente, 10 s, ou seja, a velocidade é de 10 m/s.
2) Em uma maratona a velocidade do atleta é um pouco menor que em uma corrida de 100 m (cerca de metade), sua velocidade média é de 5 m/s.
3) A velocidade da luz vale 3∙108 m/s.
4) A velocidade do som no ar é cerca de 340 m/s.
- Portanto, em ordem crescente, temos: 2, 1, 4 e 3.


 

 

 Avaliação de resultado

Pegue o número de pontos você acertou no simulado. Divida-o pelo número de questões. Multiplique por 100.  Exemplo:  certas  06/10 = 0,6x100 = 60%

Se você obteve uma média acima de 40%, parabéns, você pode concorrer entre as feras. Mas se foi inferior a 20% procure estudar mais e veja: Revisão das matérias

  


 

 Brasil,
Copyright © Desde 08/2000 Vestibular1. Todos os direitos reservados. All rights reserved.